Sosa :23,176
  • Born about 1515 - Porto, Portugal
  • Deceased about 1592 - São Paulo, São Paulo, Brasil,aged about 77 years old
  • Capitão, juiz ordinário em 1573

 Parents

 Spouses and children

 Notes

Individual Note

Genealogia Paulistana Volume 2: Grande variedade encontramos sobre a origem dos Pires da capitania de São Paulo. Segundo umas memórias de pais a filhos, foi progenitor desta família Salvador Pires, que de Portugal trouxera dois filhos: Salvador Pires e Manuel Pires; porém, o exame e lição dos cartórios nos levaram a descobrir a verdade sobre o assunto, que é a seguinte: entre os nobres povoadores da vila de São Vicente, que a esta ilha chegaram com o fundador dela, o fidalgo Martim Afonso de Sousa, em princípios do ano 1531, vieram João Pires, chamado - o Gago - natural do Porto e seu primo Jorge Pires que era cavaleiro fidalgo (naqueletempo era este foro o melhor) cujo alvará veio ao nosso poder para o lermos. Este João Pires trouxe consigo da cidade do Porto o filho Salvador Pires, o qual se casou (não se sabe ao certo se em Portugal ou em São Vicente) com Maria Rodrigues, também natural do Porto, que veio para São Vicente com seus irmãos, filha de Garcia Rodrigues e de Isabel Velho. De São Vicente passaram a Santo André da Borda do Campo, João Pires - o Gago, e seu filho Salvador Pires com sua mulher Maria Rodrigues, e ficaram nessa povoação que foi aclamada vila em 1553 em nome do donatário da capitania Martim Afonso de Sousa, sendo o dito João Pires - o Gago, o 1.o juiz ordinário desta vila. (Cam. de São Paulo cad. 1.o, Título 1553 da vila de Santo André). Maria Rodrigues era já falecida em 1579, porque em 1580 foi passada a seu marido quitação de haver cumprido com as disposições testamentárias da defunta sua mulher pelo prelado administrador, sendo escrivão da câmara eclesiástica e visita Francisco de Torres. Por esta quitação se vê que a família Pires teve seu princípio neste Salvador Pires C.c. Maria Rodrigues, ambos naturais do Porto, e não em outro Salvador Pires, filho deste, o qual foi C.c. Mécia Fernandes. Que Salvador Pires C.c. Maria Rodrigues veio da cidade do Porto para a vila de São Vicente consta de uma carta de sesmaria que em 1573 lhe concedeu Jerônimo Leitão, Capitão-mor Governador loco-tenente do donatário Pedro Lopes de Sousa; da qual também consta que passara da vila de São Vicente para a de Santo André no ano de 1553, e lhe foi dada meia légua de terras na Tapéra que tinha sidoalojamento do índio Baibebú, partindo pelo campo de Piratininga direito à serra, por ser o dito Pires, lavrador potentado, que dava avultada soma de alqueires de trigo ao dízimo, além da colheita de outros frutos todos os anos”. Em seguida, diz Pedro Taques, que Salvador Pires teve de Maria Rodrigues, dois filhos: Manuel Pires e Salvador Pires: o 1.o, segundo Taques, foi C.c. Maria Bicudo e o 2.o foi casado duas vezes, sendo a 2.a vez com Mécia Fernandes.


 


Salvador veio para o Brasil com seu pai em 1531, na frota de Martim Affonso de Sousa. É possível que tenha sido um dos quarenta artífices que vieram com MartimAffonso. Estabeleceu-se a princípio na vila de São Vicente. Em 1553 mudou-se para a vila de Santo André da Borda do Campo. Mais tarde morou em São Paulo, onde foi carpinteiro. Em 1573, Salvador recebeu uma carta de sesmaria, concedida pelo governador Jerônimo Leitão. Na mesma consta que "lhe foi dada meia légua de terras na tapera que tinha sido alojamento do índio Baibebá, partindo pelo campo de Piratininga direito à serra, por ser o dito Pires lavrador potentado, que dava avultada soma de alqueires de trigo ao dízimo, além das colheitas de outros frutos todos os anos".

Birth

https://genearc.net/index.php?op=ZGV0YWxoZVBlc3NvYS5waHA=&id=ODgwMw==

Death

em seu sítio, situado acima da cachoeira Patuaí, às margens do Rio Tietê

  Photos and archival records

{{ media.title }}

{{ mediasCtrl.getTitle(media, true) }}
{{ media.date_translated }}

 Family Tree Preview

   
João O Gago Pires 1475-1535 Antônia de Figueiredo ca 1470-ca 1578
||



|
Salvador Pires ca 1515-ca 1592